NBB: Caxias do Sul Basquete vira e vence o Vasco

Crédito: Matheus Magnani

O início da trajetória do Caxias do Sul Basquete em 2018 não poderia ser melhor. Depois de ver o Vasco da Gama dominar o placar durante quase toda a partida, a equipe gaúcha deu o bote certeiro no último quarto, virou para cima dos cariocas e saiu de quadra com um expressivo triunfo diante de sua torcida, pelo placar de 81 a 69.

Ele é o cara: Depois de fechar 2017 fazendo 30 pontos contra o Joinville, Cauê Borges teve mais uma atuação digna de aplausos no primeiro compromisso de 2018. Com 22 pontos (6/9 nas bolas de 2), sendo 12 deles nos cinco minutos finais, o ala/armador liderou a virada caxiense e deixou a quadra como herói mais uma vez. O jogador ainda pegou quatro rebotes, deu três assistências e totalizou 19 de eficiência. Com a atuação, Cauê assumiu o posto de cestinha (17,2 ppj) e segue como atleta mais eficiente do NBB  (20,2 epj).

Virada incrível: O Caxias passou praticamente 35 minutos atrás no placar e só correndo atrás do Vasco da Gama. No entanto, em nenhum momento o clube carioca abriu mais de dez pontos, o que ajudou na inversão de cenário no fim. A virada caxiense aconteceu restando cinco minutos para acabar, após falta e cesta de Cauê Borges, seguida do lance livre convertido (66 a 63). A partir daí, Cauê fez mais nove pontos e liderou o time caxiense a vencer a parcial por 29 a 13 e vencer com 12 pontos de vantagem (81 a 69).

Válidas contribuições: Além de Cauê Borges, quem também se sobressaiu em favor da representação gaúcha foi o ala/pivô Alexandre Paranhos, que registrou um duplo-duplo de 12 pontos e 13 rebotes, sendo oito ofensivos (19 de eficiência), o pivô Marcão, também com 12 pontos (4/5 nas bolas de 2), e o armador argentino Enzo Cafferata, autor de 13 pontos, quatro rebotes e quatro assistências (17 de eficiência).

Põe na conta: Com o incrível resultado, o Caxias sua trajetória em 2018 em grande estilo e igualou campanha do sexto colocado Minas Tênis Clube (sete vitórias em 12 partidas), mas não o ultrapassou devido à derrota no confronto direto em novembro. Já o Vasco da Gama perdeu a chance de subir para o décimo lugar e com isso permanece em 11º, com quatro triunfos em 12 oportunidades (33,3% de aproveitamento).

 

E agora: O Caxias voltará à quadra já nesta sexta-feira (12/01), contra o Botafogo, novamente diante de sua torcida no “Vascão”, às 20h05.

LNB.com.br

Deixe seu comentário