Caxias começa pré-temporada com 14 novidades

O Caxias começou, nesta quarta-feira (8), a pré-temporada para 2018. Ao todo, 20 jogadores se apresentaram e desses 14 são novos reforços e seis são conhecidos da torcida grená.

Entre os remanescentes estão: o goleiro Lucio; os zagueiros Geninho, Jean e Laércio; o volante Marabá; e o atacante Nicolas.

A ideia do técnico Luiz Carlos Winck é trabalhar com 26 ou 27 jogadores. Assim, mais reforços deverão chegar nos próximos dias.

 

ELENCO

GOLEIROS: André Lucas, Gledson, Lucio

LATERAIS DIREITOS: Cleiton Garcia e Igor Bosel

LATERAIS ESQUERDOS: Denis Neves e Vavá

ZAGUEIROS: Geninho, Jean, Laércio,

VOLANTES: Guto Dresh, Marabá e Regis Silva

MEIAS: Rafael Gava

ATACANTES: Márcio Jr, Nicolas, Rafinha, Ramon Costa, Túlio Renan e Wagner Gomes

 

CONHEÇA AS NOVIDADES

GOLEIROS

André Lucas – 23 anos. Estava no Rio Preto/SP e já defendeu o Catanduvense.

Gledson – 34 anos. Estava a mais de dois anos atuando no Campinense. Em 2015 foi campeão Paraibano e em 2016, foi bicampeão estadual e vice-campeão da Copa do Nordeste. Neste, o clube foi eliminado na segunda fase da Série D.

Além da Portuguesa, o experiente goleiro Glédson já defendeu as cores de Boa Esporte, Náutico, Santa Cruz, Oeste e Paysandu.


LATERAIS DIREITOS

Cleiton Garcia – 24 anos. O último clube foi o Guarani, de Palhoça. Tem passagens pelo Rio Preto/SP, Tombense, Mirassol, Brusque e América-MG.

Igor Bosel – 25 anos. O lateral-direito Igor Bosel disputou a Série B pelo Londrina, onde estava há duas temporadas. O lateral já atuou com o técnico Winck no Lajeadense, em 2015, e no Veranópolis, em 2016.

Revelado nas categorias de base do Pelotas (RS) em 2011, o atleta teve passagens pelo clube da sua cidade deste ano até 2014. Além disso, passou ainda por Boa Esporte (MG), CSA (AL), Oeste de Itápolis (SP), Farroupilha (RS), Lajeadense (RS), Veranópolis (RS) e estava no Londrina (PR).


LATERAIS ESQUERDOS

Denis Neves – 27 anos. Nesta temporada defendeu o Guarani e o Tombense. Já defendeu o Oeste, Botafogo de Ribeirão Preto, Joinville , Boa Esporte e Coritiba.

Vavá – 24 anos. Neste ano defendeu o União Luziense/MG e o Glória na Divisão de Acesso. Já passou pelo Passo Fundo, Sapucaiense e São Paulo de Rio Grande.


VOLANTES

Guto Dresh – 25 anos. Nesta temporada esteve no Glória, onde disputou a Divisão de Acesso. Guto ainda teve passagem pelo São Paulo, onde disputou o Gauchão na temporada de 2016. Além disso, defendeu já Cerâmica, Resende, Ypiranga, Aparecidense, Maringá, São Paulo-RS, São Luiz e Glória.

Regis Silva – 27 anos. Estava no Mogi Mirim. Já atuou pelo Fortaleza, Atlético-GO, Ceará, Nagoya Grampus-Japão e Marítimo-Portugal.


MEIAS

Rafael Gava – 24 anos. O jogador estava no Londrina durante parte da Série B do Campeonato Brasileiro deste ano. Gava foi revelado pelas categorias de base do Internacional. Posteriormente, teve passagens pelo ASA, de Alagoas, Lajeadense e Londrina por duas temporadas. Em 2015, o jogador trabalhou com o técnico Luiz Carlos Winck na equipe de Lajeado.


ATACANTES

Marcinho – 22 anos. Estava no Itumbiara/GO. Já defendeu o Goiânia e Aparecida EC.

Rafinha – 27 anos. O jogador surgiu na base do São Paulo e acumula passagens pelo futebol fora do Brasil. O atacante defendeu o Herediano, equipe da Costa Rica, na última temporada. Anteriormente, passou pelo futebol mexicano no Cafetaleros de Tapachula e em Portugal pelo Portimonense.

No Brasil também passou por Rio Branco/SP, Guarani/SP, América-RN, Ceará e Operário/PR.

Ramon Costa – 25 anos. Estava no Cafetaleros, do México. Passou por Américano/RJ, Nova Iguaçu e Bonsucesso.

Túlio Renan – 28 anos e estava no ABC. Começou a carreira no Comercial-SP. O atacante tem passagens pelo São Caetano, CRB, Rio Branco-SP, onde conquistou a Série A3 do Campeonato Paulista, Treze, Ituano, em que fez parte do elenco campeão paulista, Veranópolis, Campinense, onde conquistou o título do estadual.

Recentemente, em 2016, o atacante disputou a Série C com a camisa do Ypiranga.

Wagner Gomes – 24 anos. Estava no Rio Preto/SP. Passou por Mirassol, Tombense e Bragantino.

 

Deixe seu comentário